You are currently viewing Juca do São Judas sugere a construção de gavetas no Cemitério do Cambiri

Juca do São Judas sugere a construção de gavetas no Cemitério do Cambiri

Instalados de maneira estratégica, sobretudo, nas paredes laterais os nichos ou gavetas ainda não fazem parte da estrutura física do Cemitério Parque do Cambiri em Ferraz de Vasconcelos. Em razão disso, o vereador José Juca de Araújo Neto (PSC), o Juca do São Judas (foto) pediu estudos para o setor competente da municipalidade para construir os compartimentos adequados no local. A sugestão foi apresentada na sessão ordinária, na terça-feira, dia 22.

Nela, o parlamentar deixa claro que a falta de gavetas tem dificultado o desejo de familiares, já que eles não têm disponível um lugar apropriado para guardar os restos mortais (ossos) dos seus entes queridos, após o processo de exumação. Na prática, esse procedimento é feito há cada três anos do sepultamento nas covas públicas, ou seja, que os parentes não adquiriram o terreno. Com isso, os interessados enfrentam transtornos com o transporte para outros cemitérios ou terminam deixando os restos mortais nos ossários.

Aliás, a lista contendo os nomes e os números das quadras é publicada no Boletim Oficial do Município (BOM) pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, mas nem sempre esse tipo de aviso oficial chega ao conhecimento dos familiares. Por conta disso, a pasta acaba colocando os restos mortais em sacos etiquetados numa espécie de vala comum (ossários), o que com o passar do tempo praticamente inviabiliza o reconhecimento posterior. “Na verdade, essas pessoas não sabem o que fazer depois com ossos”. Explicou Juca do São Judas.

Por isso, o vereador acredita que a prefeita municipal, Priscila Gambale (PSDB) vai determinar um estudo criterioso junto ao departamento competente para assim no momento oportuno atender a justa demanda das famílias interessadas no assunto, isto é, que possuem parentes enterrados no Cemitério Parque do Cambiri. “Por ser uma gestora sensível aos anseios da sociedade local, não tenho dúvidas de que a nossa prefeita irá solucionar o problema em breve”, concluiu. Para tanto, a Prefeitura poderá inclusive instituir uma taxa anual do aluguel dos nichos. O dinheiro seria usado na manutenção das gavetas.

                                          Preferencial

Além disso, na mesma sessão ordinária, o vereador sugeriu a execução de pintura de vagas de estacionamento para idosos e pessoas com deficiências em todas as escolas municipais. Para ele, como ainda os espaços não estão sinalizados, os pais ou responsáveis não conseguem parar os seus carros, principalmente, próximos do embarque e desembarque, o que dificulta de sobremaneira o serviço. O documento também é assinado por Osni Angelo Pasquarelli (PDT), o Ní (foto).

Por Pedro Ferreira, em 24/11/2022.