You are currently viewing Renatinho questiona Prefeitura Municipal por deixar 2,2 mil crianças fora de creche

Renatinho questiona Prefeitura Municipal por deixar 2,2 mil crianças fora de creche

Indignado com a quantidade de procura por vagas em creches municipais e a dificuldade do ingresso de crianças na educação infantil, em Ferraz de Vasconcelos, o vereador Renato Ramos de Souza (Cidadania), o Renatinho Se Ligue (foto) protocolou requerimento questionando a Prefeitura da cidade sobre a demanda educacional não atendida. O documento poderá ser votado na segunda-feira, dia 25, a partir das 18h.

Para ele, o município tem como obrigação fornecer educação infantil em creche ou pré-escola. No entanto, em muitos casos, o pai ou responsável recebe a negativa da vaga, e não sabendo a quem recorrer, deixa de efetuar a matrícula. Em outros casos, a criança é matriculada em local distante de sua moradia, o que prejudica a rotina dos pais.

Por isso, de acordo com o parlamentar, ter um planejamento estratégico permite garantir um diagnóstico regional e, com isso, ter um ponto de partida para tomada de decisões que priorizem formas de atender as necessidades das pessoas. Hoje, 2,2 mil crianças (números do dia 19/11/2019) aguardam por uma vaga, e apesar de novas unidades educacionais inauguradas, a quantidade de alunos se torna desproporcional em relação à quantidade de escolas.

No requerimento a ser encaminhado para o Poder Executivo, após a deliberação da Casa questiona se existem programas de planejamento estratégico, ou projetos de planejamento familiar, creches em construção, se a Prefeitura possui condições de atender as crianças, hoje, matriculadas nas creches, em escolas de ensino fundamental e se há estudos para ampliação de escolas municipais. O governo terá prazo de até 15 dias para se manifestar.

Por Pedro Ferreira e assessoria do vereador, em 22/11/2019.