You are currently viewing Por iniciativa de Kaká, Associação de Mães dos Autistas locais recebe moção de aplauso

Por iniciativa de Kaká, Associação de Mães dos Autistas locais recebe moção de aplauso

De autoria do vereador Álvaro Costa Vieira (Podemos), o Kaká, o plenário da Câmara Municipal concedeu moção de aplauso em reconhecimento ao trabalho voluntarioso da Associação de Mães dos Autistas e Portadores de Transtorno de Espectro do Autismo (TEA) de Ferraz de Vasconcelos (Amafv). A aprovação da proposta e a entrega do tributo ocorreu na sessão ordinária (foto) desta quinta-feira, dia 24.

Para Kaká (foto), a entidade criada, em 2013, por sete mulheres realiza uma missão guerreira na cidade e, portanto, precisa ter todos os méritos reconhecidos em geral. Na prática, o vereador avaliou que a permissão da moção de aplauso funciona como um verdadeiro grito de socorro, ou seja, como um estímulo para que o órgão sem fins lucrativos, com sede na Vila Corrêa, possa continuar na sua luta em prol do segmento.

Por isso, em nome da presidente da Amafv, Suely Oliveira, Kaká aproveitou para agradecer e parabenizar todo o esforço que vem sendo desenvolvido para quebrar barreiras como, por exemplo, a falta de acesso à saúde pública, assim como a uma escola inclusiva e não discriminatória. “Hoje, a entidade atende 60 famílias, porém, esse número infelizmente pode ser bem maior. Daí a importância de apoiarmos de fato”, diz Kaká.

Além disso, durante o processo de votação da moção de aplauso, o parlamentar conquistou a garantia de outros colegas de Casa, que, por sua vez, prometeram destinar emendas parlamentares individuais ao orçamento do ano que vem para beneficiar a Amafv. Em razão disso, a entidade poderá, por exemplo, passar a ter uma sede própria em breve. Enfim, esse tipo de colaboração dependerá do preenchimento de requisitos.

Na atualidade, o órgão beneficente e inclusivo atende cerca de 60 autistas de todas as idades. Na prática, o órgão realiza um trabalho de inclusão social de crianças, jovens e adultos por meio de atividades recreativas, apoio psicossocial e ações de fortalecimento de vínculos. Por outro lado, a entidade também cuida de portadores de outras síndromes. A unidade presidida por Suely Oliveira (foto) fica na Rua Padre Feijó, 179, na Vila Corrêa. Ela agradeceu a Kaká e aos demais vereadores.

Por Pedro Ferreira, em, 24/02/2022.