You are currently viewing Projeto de lei institui campanha de conscientização e enfrentamento ao parto prematuro

Projeto de lei institui campanha de conscientização e enfrentamento ao parto prematuro

Um projeto de lei em tramitação na Câmara Municipal de Ferraz de Vasconcelos institui a campanha de sensibilização sobre a prematuridade chamada de “Novembro Roxo”. Além disso, o texto de autoria do vereador Alexandro Santos Alves Silva (PSC), o Teteco (foto), também inclui o Dia da Prematuridade no calendário oficial do município.  A matéria poderá ser lida na próxima sessão ordinária, na terça-feira, dia 8, a partir das 9h.

A campanha será realizada anualmente no mês de novembro e terá como finalidade promover atividades e, ao mesmo tempo, mobilizar e direcionar ações voltadas ao enfrentamento do parto prematuro. Na prática, o evento vai focar na prevenção do nascimento antecipado e na conscientização dos riscos inerentes ao assunto, assim como na assistência, proteção e promoção dos direitos dos bebês prematuros e de suas famílias.

Por sua vez, o Dia da Prematuridade deverá ser efetuado todos os anos, em 17 de novembro na cidade. Aliás, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), são considerados bebês prematuros aqueles que nascem com pelo menos 37 semanas de idade gestacional, independentemente do peso. No Brasil, acontecem em média quase 280 mil partos antecipados por ano.

Ainda, segundo a proposta em andamento no Legislativo, a campanha Novembro Roxo incluirá palestras e seminários para, principalmente, abordar sobre a importância da luta contra o parto prematuro. O texto prevê também estimular o pré-natal e informar sobre os cuidados que as gestantes devem ter durante a gravidez para assim evitar justamente o nascimento antecipado, entre outros pontos.

Por Pedro Ferreira, em 04/03/2022.