Rose Fitness analisa ações adotadas pelo Executivo para conter a epidemia do coronavírus

Rose Fitness analisa ações adotadas pelo Executivo para conter a epidemia do coronavírus

Em tempo de coronavírus (Covid-19), a vereadora Roseli Aparecida Messias Ferreira (Republicanos), a Rose Fitness (foto) fez uma avaliação positiva das ações que estão sendo adotadas pela Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos para conter o avanço vertiginoso da doença, na cidade. A análise foi feita durante a sessão ordinária, na segunda-feira, dia 16. Segundo ela, o governo local acerta ao decretar emergência sanitária. Por sua vez, até agora, Ferraz registra dois casos confirmados.

Especialista no assunto, já que é professora de educação física da rede estadual, a parlamentar enfatizou, principalmente, os aspectos da medida voltados à suspensão total por 15 dias das atividades escolares. O prazo passou a valer, na quarta-feira, dia 18. Para ela, ao tomar essa iniciativa preventiva contra a contaminação do coronavírus no ambiente estudantil por um período determinado, o Poder Executivo terá condições de avaliar se a decisão poderá continuar ou não após a pausa temporária. A medida afeta mais de 22 mil alunos.

“Na realidade, a adoção de novas ações restritivas vai depender da evolução do contágio indiscriminado da virose em geral”, explica Rose Fitness. Além disso, a vereadora aponta como fator positivo do decreto de emergência na saúde pública municipal a criação de um comitê de enfrentamento ao coronavírus. Na prática, o grupo multidisciplinar reúne profissionais da saúde, educação e serviço social, entre outros, setores administrativos para assim desenvolver as medidas mais adequadas para   reduzir os impactos da doença no povo ferrazense.

O estado de emergência sanitária também abrange a proibição de eventos públicos com mais de 50 frequentadores, assim como, o fechamento de serviços de acolhimento, fortalecimento de vínculos de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos e suspende o gozo de férias de servidores lotados na área da saúde. Além disso, a administração da cidade resolveu mandar fechar tabacarias, dilatar o prazo por 15 dias para o pagamento de tributos como, por exemplo, o do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de 20 deste mês para o dia 05 de abril.

Por Pedro Ferreira, em 19/03/2020.

Compartilhe nas Redes Sociais:
Fechar Menu