Menos de 60% dos eleitores ferrazenses fizeram o cadastramento biométrico, diz justiça eleitoral

Menos de 60% dos eleitores ferrazenses fizeram o cadastramento biométrico, diz justiça eleitoral

A biometria obrigatória está na reta final para os eleitores de Ferraz de Vasconcelos, na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). Entretanto, os números da biometria seguem baixos, faltando mais de 40% do eleitorado para passar pela coleta biométrica. Quem não fizer o procedimento no prazo terá o título cancelado e sofrerá impedimentos na vida civil como, por exemplo, não disputar concurso público e tirar passaporte.

O município de Ferraz de Vasconcelos totaliza mais de 128 mil eleitores e deste percentual apenas 57,93%, o que representa, na prática, 74.530 votantes efetuaram a biometria obrigatória até a última terça-feira, dia 05. Com isso, o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) garante que esse tipo de medida vai contribuir para aumentar a segurança do processo eleitoral já nas próximas eleições locais, em 2020.

O cartório eleitoral da cidade (401ª Zona Eleitoral) situado na Rua José Trevisani, 93, no centro (foto), tem capacidade para atender cerca de 300 pessoas diariamente, mas o movimento médio tem sido de 180 por dia. O local funciona de segunda à sexta-feira, das 12h às 18h. Além disso, foi montado um posto temporário no Centro de Integração da Cidadania (CIC), na Rua Américo Trufelli, 60, no Parque São Francisco.

No espaço provisório da justiça eleitoral que atende de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, o movimento de eleitores também continua abaixo da expectativa, de acordo com o cartório eleitoral. Na atualidade, posto temporário recebe em média 80 pessoas por dia. Para fazer a biometria obrigatória cujo prazo na cidade acaba no dia 19 de dezembro deste ano, o eleitor precisa levar um documento oficial de identificação, comprovante de endereço recente e o título caso tenha.

Por outro lado, se preferir, o interessado pode ainda agendar o atendimento no endereço eletrônico: www.tre.sp.jus.br. O cadastramento biométrico obrigatório precisa ser feito por eleitores de 479 cidades paulistas até o final deste ano, de um total de 645 municípios. Já os da capital paulista deverão estar aptos para votar desta maneira a partir de 2022, quando será concluído todo o processo no país. Por isso, o TRE-SP orienta que os paulistanos e os moradores do restante das cidades fora da lista deste ano façam a biometria mesmo antes de tornar-se obrigatória.

                                                  Plantão

Com o objetivo de aumentar a quantidade de eleitores cadastrados na biometria, o cartório eleitoral de Ferraz de Vasconcelos promove um plantão eleitoral neste sábado, dia 9, das 8h às 13h. “Portanto, você amigo eleitor de Ferraz de Vasconcelos não deixe de comparecer”, pede a Justiça Eleitoral.

Por Pedro Ferreira e assessoria do TRE-SP, em 08/11/2019.

Compartilhe nas Redes Sociais:
Fechar Menu