You are currently viewing Texto obriga a instalação de válvulas para evitar ar em cano

Texto obriga a instalação de válvulas para evitar ar em cano

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) poderá ser obrigada a instalar válvulas ventosas para evitar problemas de ar aprisionado nas redes de abastecimento de água, em Ferraz de Vasconcelos. O projeto de lei com esse objetivo foi aprovado em primeiro turno, na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 26. O texto volta à pauta em segunda e última discussão na próxima segunda-feira, dia 2, a partir das 18h. Depois, a matéria segue para a sanção do Poder Executivo.

Pela proposta de autoria dos vereadores José Nelson Ferreira, o Pastor Nelson (esq) e Lairton Dantas Pessoa, o Primo Ceará, ambos da bancada do PRB na Casa, a colocação das válvulas ventosas deverá ser feita pela Sabesp em todo o sistema de abastecimento de água no município, ou seja, tanto para residencial e comercial. Para eles, a medida se faz necessária, já que muitos moradores locais desconfiam de medidores funcionarem mesmo com a torneira fechada.

Com isso, a suspeita recai sobre a possível presença de ar na tubulação fazendo com que o relógio opere independentemente de o usuário está ou não usando a água. Como consequência básica, o morador acaba pagando por um consumo inexistente, o que onera ainda mais o seu já minguado orçamento. Os vereadores Pastor Nelson e Primo Ceará sustentam que foi comprovado por meio de pesquisa o funcionamento de medidores por pressão de ar.

Por sua vez, a existência de ar na rede coletora de água pode ser ocasionada por vários motivos como, por exemplo, quando as válvulas das bombas não estão fechadas corretamente ou quando as mesmas aspiram o ar. Em razão disso, criam-se bolsões que podem danificar a tubulação e, ao mesmo tempo, perdas de cargas adicionais. Por outro lado, para impedir problemas de ar nos canos são instaladas válvulas ventosas nos pontos mais elevados da tubagem. Em Mauá, no ABC paulista, a colocação desses aparelhos nos encanamentos já é regulada por lei.

                                               Imaginação

Na prática, durante o funcionamento, o aparelho instalado é usado para purgar o ar acumulado nos pontos altos permitindo assim uma rápida entrada de ar em condições de subpressão. Em suma, as ventosas proporcionam eficiência no fornecimento de água. Em geral, as empresas prestadoras não admitem essa possibilidade por entender que o vácuo na tubulação formado durante a falta de água não chega a ter força suficiente para girar o relógio. Enfim, joga a culpa sempre em vazamento.

Por Pedro Ferreira, em 28/03/2018.