You are currently viewing Feirantes devem desmontar barracas até às 14h

Feirantes devem desmontar barracas até às 14h

Feirantes de Ferraz de Vasconcelos deverão desmontar as suas barracas impreterivelmente até às 14h. .Já a Prefeitura da cidade vai liberar as vias públicas até às 15h. O assunto foi discutido durante reunião (foto) com o secretário municipal da Indústria e Comércio, Pedro Elias Bou Assi, o vereador Edson Elias Khouri (PSB), o Edson Cury, articulador do encontro, o diretor de Agricultura, Vagner Vallet Ninck, o Pastor Vagner e um grupo de feirantes, na segunda-feira, dia 18, no Palácio da Uva Itália.

Na prática, os negociantes estavam sem entender uma notificação recém-feita pela municipalidade estabelecendo o final das feiras livres ao meio-dia, no entanto, na mesma recomendação já havia uma tolerância de 2h, ou seja, as barracas precisam ser desfeitas até às 14h. Em contrapartida, os feirantes reclamavam que do meio-dia às 14h existe uma movimentação intensa de consumidores e, portanto, teriam prejuízo, já que não tinha como terminar o atendimento ao público. Agora, tudo foi explicado.

Por sua vez, o secretário Pedro Bou Assi pediu a compreensão de todos tendo em vista que a administração da cidade quer fazer o melhor em benefício dos feirantes. “Na realidade, a Prefeitura Municipal é parceira dessa categoria laboriosa e, por isso, estamos procurando melhorar cada vez mais esse serviço”, disse. Ele criticou ainda a desorganização do setor herdada da gestão anterior. Enfim, o atual governo está arrumando a casa. A ideia é fornecer garantia jurídica a todos.

Identificado com a justa reivindicação de feirantes, o vereador Edson Cury (esq) considerou o resultado da audiência altamente positivo. Para ele, o mais importante de tudo é que o secretário da Indústria e Comércio está aberto ao diálogo e, ao mesmo tempo, os negociantes ficam mais tranquilos para exercer a sua atividade que serve para alavancar a economia local. “Estou muito contente com essa sintonia entre o secretário e os feirantes”, finaliza Edson Cury.

Por Pedro Ferreira, em 19/09/2017.