You are currently viewing Vereador Tonho pressiona por redução de jornada de trabalho

Vereador Tonho pressiona por redução de jornada de trabalho

Vereador Tonho (PPS) cobra promessa da redução de jornada de trabalhoA possível redução na jornada de trabalho de 40 para 30 horas semanais para psicólogos, enfermeiros e auxiliares está sendo cobrada a Prefeitura Municipal de Ferraz de Vasconcelos pelo vereador (foto) Antonio Carlos Alves Correia (PPS), o Tonho. Um requerimento com essa finalidade foi aprovado, por unanimidade, na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 21.

Segundo ele, o assunto já vem sendo tratado com o prefeito em exercício, José Izidro Neto (PMDB), porém, as categorias querem uma definição do caso. Na tribuna, o vereador lamentou o fato de a administração da cidade incluir apenas na discussão a possibilidade de diminuição da carga horária de trabalho para psicólogos e enfermeiros deixando, com isso, de fora os auxiliares. Por isso, ele acredita ser fundamental também colocar na lista esses últimos profissionais.

A medida objetiva incentivar as três categorias de servidores públicos e, ao mesmo tempo, tentar estancar a saída desses funcionários para cidades que além de já oferecerem a jornada de 30 horas semanais também pagam salários melhores. Na atualidade, o vencimento-base de psicólogos e de enfermeiros é de R$2,9 mil mensais, contra apenas R$1,3 mil de auxiliares de enfermagem. Com isso, o município paga em média a metade do restante da região.

Favorável à viável diminuição da carga horária de trabalho das três categorias profissionais, o vereador Willians Santos (PTB), o Willians do Gás disse que existe a possibilidade de a medida acontecer, em breve, no entanto, a mesma estaria condicionada ao impacto financeiro nas contas públicas, ou seja, não adianta o Executivo ter boa vontade política, mas, sim, ter dinheiro em caixa para bancar a decisão. Ele destacou ainda que vem acompanhando mais de perto a luta de psicólogos.

Por Pedro Ferreira.