You are currently viewing Presidente solicita ventiladores em Velório Municipal

Presidente solicita ventiladores em Velório Municipal

Vereador Roberto de Souza (PMDB) pede licença por 30 diasPensando em proporcionar um pouco mais de conforto ao cidadão que por motivo superior frequenta, eventualmente, o Velório Municipal vereador Cosmo Waldemar Coelho localizado no Cemitério do Cambiri, em Ferraz de Vasconcelos, o presidente da Câmara Municipal, vereador (foto) Roberto Antunes de Souza (PMDB) recomendou para a municipalidade a colocação imediata de ventiladores no interior daquele ambiente público. A indicação foi apresentada na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 07.

Para ele, proceder à instalação de ventiladores representa o mínimo que a administração da cidade deve fazer para deixar o velório municipal muito mais agradável para as pessoas que vão até o local para velar o seu ente querido. Afinal de contas, além de enfrentar a mudança na própria carga emocional que o momento pesaroso exige, o munícipe acaba inclusive sendo obrigado a encarar o forte calor como acontece nos dias atuais. O acendimento de velas também contribui para aumentar a temperatura ambiente.

A chegada do período chuvoso significa outra enorme preocupação do presidente do Poder Legislativo. Por isso, o vereador propôs ao setor competente da municipalidade a realização do corte do mato e a desobstrução do leito carroçável de um córrego situado na altura do número 226 da Rua Jorge Tibiriçá, na Vila Corrêa. No documento, Roberto de Souza afirma que o matagal encontra-se bastante alto e no seu entorno pode estar ajudando para o surgimento de animais nocivos a saúde humana em geral.

“De acordo com o relato de moradores, já foram capturados dentro de algumas casas os temidos escorpiões. Outra consequência gravíssima causada pela falta de manutenção periódica daquele riacho é o alagamento, que, por sua vez, derruba muros e invade residências para o completo desespero das pessoas ali residentes”, aponta Souza. Situação semelhante vive os habitantes próximos de um córrego nas proximidades da Avenida Albino Francisco de Figueiredo, 931, na Vila Santa Margarida. A solução para o caso também foi feita pelo presidente parlamentar.

Por Pedro Ferreira.