You are currently viewing Presidente reassume cargos após breve período de licença

Presidente reassume cargos após breve período de licença

Presidente da Câmara de Ferraz, Roberto de Souza (PMDB)Depois de tirar licença por 15 dias para tratar de assuntos pessoais, o presidente da Câmara Municipal de Ferraz de Vasconcelos, vereador (foto) Roberto Antunes de Souza (PMDB) reassume os cargos a partir desta terça-feira, dia 15. No período, Roberto de Souza foi substituído na presidência da Casa pelo vice, Marcos Antonio Castello (SDD), o Ratinho, que, por sua vez, manteve a rotina administrativa sem enfrentar nenhum tipo de problema como já era esperado.

Já na vereança o seu lugar foi ocupado pela suplente Maria Aparecida da Silva (PMDB), a Cida Assistente Social. Na prática, a parlamentar empossada participou de duas sessões ordinárias e teve uma presença considerada bastante discreta. Em suma, ela preferiu apenas observar como funciona o ambiente político no dia a dia da instituição. Em todo caso, a vereadora estreante marcou o seu nome na história do Legislativo ferrazense.

 Por outro lado, de volta ao batente, Roberto de Souza mantém a sua agenda lotada de compromissos, porém, de forma objetiva procura não deixar nada sem o devido encaminhamento, ou seja, sem solução desde é claro que dependa somente do seu trabalho em prol da comunidade, tendo em vista, que na vida pública nem sempre as coisas acontecem com a rapidez necessária. Afinal, conciliar o exercício do cargo de vereador com o da presidência exige muita atenção para dá conta do recado.

No Legislativo, além de administrar os atos corriqueiros, o presidente faz questão de acompanhar de perto o andamento de sua principal prioridade no momento é a construção da nova sede própria da Câmara Municipal, nas proximidades do Palácio da Uva Itália, na Vila Romanópolis. Segundo ele, a obra vai proporcionar um atendimento mais decente ao munícipe, aos vereadores e aos servidores de um modo geral. A expectativa é que os trabalhos sejam concluídos até maio de 2016.

Por Pedro Ferreira.