You are currently viewing Roberto participa de reunião sobre segurança em Mogi

Roberto participa de reunião sobre segurança em Mogi

Vereador Roberto de Souza (sentado) ouve reivindicações do prefeito Filló ao governo estadual Ao lado do prefeito de Ferraz de Vasconcelos, Acir Filló dos Santos (PSDB), o Acir Filló, o presidente da Câmara Municipal, vereador (1º dir) Roberto Antunes de Souza (PMDB) participou de uma reunião com o secretário estadual da Segurança Pública, Alexandre de Moraes nesta quinta-feira, dia 25, em Mogi das Cruzes. O encontro, na realidade, foi à pauta principal da 11ª reunião extraordinária do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat). O secretário da Administração, Arnaldo de Souza e o comandante da Guarda Civil Municipal (GCM), Cleverson Ramos também acompanharam o evento.

Apesar do clima de absoluta hospitalidade, isto é, de elogio a atuação do secretário, o prefeito Acir Filló deixou claro ao representante do governo estadual o seu descontentamento em relação à falta de uma ação concreta por parte das polícias Militar e Civil para reduzir os altos índices de criminalidade registrados no município. Para ele, a Prefeitura Municipal tem sido uma verdadeira parceira do Palácio dos Bandeirantes referindo-se ao pagamento de pró-labore a PM e do fornecimento de auxílio ao custeio da sede da corporação e de delegacias, porém, Ferraz de Vasconcelos não tem recebido a atenção, que, de fato, merece e precisa para enfrentar a violência.

Por isso, Acir Filló cobrou mais apoio ao governo paulista para, por exemplo, coibir a onda de aterros clandestinos na cidade, entretanto, principalmente, na região do Cambiri, que no caso está acabando com o que resta de mata atlântica. Além disso, o prefeito ferrazense criticou o baixo efetivo, sobretudo, o da Polícia Militar e mais rapidez na assinatura do convênio para que seja colocada em prática, no município, a chamada atividade-delegada já aprovada pelo Legislativo. Com isso, o soldado poderá atuar no seu dia de folga no combate a criminalidade que tanto vem assustando a população em geral.

Na audiência, Acir Filló solicitou ainda estudos visando à instalação de um batalhão da PM. Em resposta as reivindicações do prefeito ferrazense, Alexandre de Moraes prometeu reforçar o patrulhamento da polícia ambiental no Cambiri e, ao mesmo tempo, repor o número de PMs, em breve. Sem falar em quantidade num primeiro momento, a corporação deverá receber um percentual dos 2.614 recém-formados, contudo, como o Estado já está preparando mais quatro mil soldados, no ano que vem, o Palácio dos Bandeirantes pretende zerar o assunto. No tocante, ao batalhão, o secretário não deu nenhuma esperança, ou seja, não teceu nenhum comentário.

Por Pedro Ferreira.