You are currently viewing Vereador pede a ativação de piscina em escola municipal

Vereador pede a ativação de piscina em escola municipal

Piscina na Vila Santo AntonioIniciada na gestão anterior, porém, concluída pela atual administração, a piscina (foto) situada na Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Professora Primorosa Jorge do Nascimento, antigo Ediforp II na Rua Tapiras, 100, na Vila Santo Antonio, em Ferraz de Vasconcelos continua sem funcionar até o presente momento. Por isso, o vereador Michael Carneiro Aparecido (PRP), o Maicon do CDHU decidiu pedir a ativação da piscina a municipalidade na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 13.

Na mesma data, o parlamentar visitou a unidade e pôde constatar o verdadeiro desperdício que representa aquele importante espaço público sem nenhuma utilidade até agora. Para ele, os alunos precisam usar a piscina, no entanto, estão dependendo de uma decisão do governo municipal. Enquanto isso não ocorre, os moradores suspeitam que a referida piscina torne-se um criadouro do mosquito da dengue. “Na verdade, aquela piscina não poder permanecer abandonada como está”, diz Maicon do CDHU.

Morador no bairro, o vereador Willians Santos (PSB), o Willians do Gás elogiou a atitude do colega, mas, aproveitou para sugerir uma medida, no mínimo, radical, ou seja, ele pediu o aterramento da piscina para ceder lugar para uma creche, o que considera mais palpável no momento. Ainda, segundo o socialista, a intenção de construir a piscina foi boa, contudo, na prática, não passou de um equívoco tendo em vista o alto custo de sua manutenção mensal.

Vereador Maicon do CDHU (PRP) solicita ativação de piscina na Vila Santo AntonioEm contrapartida, moradora vizinha à escola, a vereadora Maria Simplício Nascimento (PT) defende a permanência da piscina para ser usufruída pelos estudantes. Em sua opinião, a Prefeitura Municipal está jogando dinheiro fora por não colocar a piscina em funcionamento. Os vereadores Luiz Fábio Alves da Silva (PSDB), o Fabinho, Antonio Carlos Alves Correia (PSD), o Tonho e Claudio Ramos Moreira (PT) também criticaram a municipalidade pela situação. Agora, Maicon do CDHU (foto) aguarda providências da administração.

Por Pedro Ferreira.