You are currently viewing Edson Cury quer ponto de táxi próximo a hipermercado

Edson Cury quer ponto de táxi próximo a hipermercado

Vereador Edson Cury (PSB) defende ponto de táxi nas proximidades de hipermercadoInaugurado no último dia 26, o Shibata Supermercados, na Vila do Americano, em Ferraz de Vasconcelos, poderá ganhar um ponto de táxi em sua área externa, todavia, compete a Prefeitura Municipal oficializar a criação da parada. Para tirar dúvida a cerca da implantação do serviço de transporte de passageiros, possivelmente, em rua próxima ao hipermercado, o vereador (foto) Edson Elias Khouri (PSB), o Edson Cury apresentou um requerimento ao Executivo, na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 02.

Na verdade, por tratar-se de um estabelecimento comercial particular, a direção do Shibata Supermercados contratou uma empresa da cidade para fazer o atendimento de consumidores interessados e, neste caso, os carros ficam à disposição da clientela dentro do estacionamento. Por isso, como cada bairro possui uma tabela de preço, o acerto precisa ser feito no momento da compra, ou seja, na boca do caixa. Ainda, por decisão privativa do Shibata Supermercados evitou-se a vinda de uma firma de fora.

Com isso, além dos 260 funcionários admitidos de maneira direta, a medida está beneficiando mais de dez pais de família ferrazense que prestam ser a empresa contratada pelo hipermercado. Em todo caso, nada impede que a municipalidade mande a Câmara Municipal um projeto de lei criando um ponto de táxi para atuar no lado de fora do Shibata Supermercados, exatamente, como quer o vereador Edson Cury. Segundo ele, a regulamentação desse serviço atenderia a uma reivindicação da categoria.

A provável concorrência entre taxistas e trabalhadores da firma terceirizada do Shibata Supermercados é vista com bons olhos pelos vereadores Maria Simplício Nascimento (PT), Antonio Carlos Alves Correia (PSD), o Tonho e Willians Santos (PSB), o Willians do Gás. Por sua vez, o atual presidente da Casa, Roberto Antunes de Souza (PMDB) também se opõe a criação do ponto de táxi, mas, alerta que a cidade não comporta mais tanto taxista culpando governo anterior por liberar alvará de forma indiscriminada.

                                                  Dignidade

Em meio da discussão sobre o assunto, o ex-presidente do Poder Legislativo, Luiz Fábio Alves da Silva (PSDB), o Fabinho, também criticou a gestão passada por autorizar um número de taxistas quase superior, por exemplo, a quantidade existente, em Mogi das Cruzes. Estima-se que atuem, em Ferraz mais de 180 profissionais. Fabinho exaltou ainda o fato de o Shibata Supermercados está dando a oportunidade de trabalho para 260 moradores locais.

Por Pedro Ferreira.