You are currently viewing Governador promete contratar 100 médicos para o Hospital Regional

Governador promete contratar 100 médicos para o Hospital Regional

Governador Geraldo Alckmin assina projeto básico do Corredor Metropolitano Alto Tietê em FerrazO governador Geraldo Alckmin (PSDB) prometeu contratar 100 médicos de forma terceirizada para o Hospital Regional Dr. Osíris Florindo Coelho, na Vila Corrêa. O anúncio ocorreu durante a assinatura (foto) dos projetos básico, executivo e ambiental do Corredor Metropolitano Alto Tietê, nesta quinta-feira, dia 13, no Ginásio Municipal Marcílio Guerra, em Ferraz de Vasconcelos. O ato reuniu o prefeito local, Acir dos Santos (PSDB), o Acir Filló, o presidente da Câmara Municipal, Luiz Fábio Alves da Silva (PSDB), o Fabinho, vereadores, secretários municipais e estaduais, prefeitos e deputados estaduais, entre outras, autoridades.

Além disso, o governador afirmou que já encaminhou a Assembleia Legislativa (Alesp) um projeto de lei que dispõe sobre o pagamento de uma gratificação a médicos que atuam na periferia. Com isso, o profissional que for admitido por concurso público para trabalhar no Regional poderá ganhar até R$14 mil por mês ou R$17 mil caso tenha doutorado. Geraldo Alckmin também comentou sobre as reformas e ampliação da maternidade infantil em andamento no Osíris Coelho. Hoje, a unidade tem 80 leitos, contudo, com a mudança o número poderá atingir 220 vagas. Por causa do fechamento provisório da pediatria, os pacientes estão sendo atendidos no Hospital Geral, em Guaianases.

A solução para resolver a falta crônica de médicos e, ao mesmo tempo, melhorar com urgência o atendimento no Hospital Regional vem sendo cobrado pelas autoridades locais e regionais ao governador e ao seu secretário estadual de Saúde, David Uip. Na cerimônia do Corredor Metropolitano, Acir Filló disse que acredita na postura do governo estadual para sanar o grave problema. Em relação ao Corredor Metropolitano Alto Tietê que interligará Ferraz de Vasconcelos, Poá, Itaquaquecetuba e Arujá, o prefeito acrescentou que obra de 20,9 km de extensão será um marco para o desenvolvimento da região. O sistema de ônibus de trânsito rápido, o chamado BRT  poderá beneficiar 47 mil passageiros por dia. A obra será construída em dois anos e custará R$336,8 milhões.

Prefeito Filló confia no governador, Geraldo Alckmin (PSDB)O prefeito (foto-tribuna) tranquilizou os moradores da Avenida Francisco Albino de Figueiredo, na Vila Santa Margarida no sentido centro-bairro, no tocante, ao processo de desapropriação. Segundo ele, tudo será feito em comum acordo com os interessados. A solenidade em Ferraz de Vasconcelos contou com a presença ainda dos prefeitos de Poá, Francisco Pereira de Sousa (SDD), o Testinha, de Itaquaquecetuba, Mamoru Nakashima (PTN), de Suzano, Paulo Tokuzumi (PSDB), de Arujá, Abel Franco Larini (PR), de Guararema, Márcio Alvino de Souza (PR), dos deputados estaduais, Estevam Galvão de Oliveira (DEM) e André Luiz do Prado (PR), do secretário estadual dos Transportes, Jurandir Fernandes e do presidente da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), Joaquim Lopes. Acir Filló agradeceu a participação de todos.

Por Pedro Ferreira.