You are currently viewing Após questionamento, Prefeitura admite a instalação do Centro de Resíduos da Construção Civil

Após questionamento, Prefeitura admite a instalação do Centro de Resíduos da Construção Civil

A cidade de Ferraz de Vasconcelos poderá oferecer à população, locais apropriados para o descarte de restos da construção civil, em breve. O assunto tinha sido questionado pelo vereador, Fábio Farias de Oliveira (PSL), o Fábio Wuhalla (foto), em fevereiro passado, por meio de um requerimento. Na oportunidade, o parlamentar pediu informações se há algum estudo em andamento para viabilizar a instalação de um Centro de Resíduos da Construção Civil (RCC).

Em resposta datada do dia 08 do corrente, o Poder Executivo informou que encaminhou à Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, comandada pelo vereador licenciado, Agílio Nicolas Ribeiro David (PSD), um termo de referência para a contratação de uma empresa especializada em beneficiamento e operação de ecopontos. Desta maneira, a municipalidade poderá disponibilizar um espaço correto ao descarte de restos da construção civil e de demolição.

Assim sendo, a administração municipal espera resolver o grave problema do despejo irregular na cidade. No fundo, atualmente, esse tipo de descarte acaba sendo feito por moradores na mesma área onde são deixados os lixos domésticos em geral. No ofício, o Palácio da Uva Itália destaca ainda que esse verdadeiro acúmulo de resíduos a céu aberto há anos vem sendo criticada por munícipes. Neste caso, para Fábio Wuhalla, falta fiscalização efetiva pela municipalidade e conscientização pela comunidade.

Agora, com a sinalização concreta por parte do Poder Executivo, o vereador acredita que finalmente os habitantes podem ter um lugar adequado para jogar os restos da construção civil e de demolição e, por sua vez, a empresa contratada ficará encarregada de destinar corretamente os entulhos. Com isso, a cidade eliminará a onda de um autêntico lixão a céu aberto e, ao mesmo tempo, vai melhorar o seu aspecto urbanístico como já acontece em cidades regionais como, por exemplo, em Guararema.

Por Pedro Ferreira, em 17/03/2021.