Renatinho exalta a importância do Proerd para os estudantes

Em reconhecimento ao trabalho preventivo de policiais militares que atuam no Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), a Câmara Municipal de Ferraz de Vasconcelos aprovou em única discussão moção de aplauso, na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 13. O texto tem como autor o vereador, Renato Ramos de Souza (PPS), o Renatinho Se Ligue (centro).

No caso local, o projeto atende alunos do 5º ano do ensino fundamental, ou seja, na faixa etária dos nove aos 12 anos de idade. Em geral, durante quatro meses, os estudantes recebem orientação para evitar, sobretudo, a cair na tentação do mundo das drogas. Por isso, ao final, eles ganham um certificado da Polícia Militar e, ao mesmo tempo, assumem o compromisso de colocar em prática as lições ministradas.

No primeiro semestre do ano passado, o Proerd formou 350 estudantes das Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) Professora Primorosa Jorge do Nascimento, na Vila Santo Antônio, Ruy Coelho, no Jardim São Giovani e Myriam Penteado Rodrigues Alckmin, no Conjunto Residencial Presidente Castelo Branco. No fundo, o plano cria um canal permanente entre a escola, a PM e a família.

Para Renatinho Se Ligue que inclusive se orgulha de ter participado da medida, na época, os ensinamentos fornecidos pela dupla de policiais militares fardados são dicas para o resto da vida de qualquer pessoa. “Pessoalmente, agradeço até hoje as aulas do Proerd. Além disso, o legal do projeto é que o seu alcance não fica restrito apenas ao ambiente escolar, isto é, os alunos passam a agir como agentes multiplicadores”, diz.

                                                    Origem

Criado, em 1983, na cidade de Los Angeles (EUA), o Proerd chegou ao Brasil, em 1992, via PM do Rio de Janeiro. A partir de 2002, o plano atingiu todos os estados brasileiros. Voltado a alunos da rede pública e privada, o Proerd encontra-se presente, atualmente, em mais de 58 países. Cópias da moção serão enviadas ao comandante da 3ª Companhia, capitão  Leandro, a cabo Alexandra (foto)  e o soldado Cardoso. Este último deixou o posto sendo substituído pelo soldado Sandro (foto).

Por Pedro Ferreira, em 15/05/2019.

Veja Também

Vereadores iniciam recesso parlamentar na 2ª feira

A última sessão ordinária nesse primeiro semestre aconteceu, na segunda-feira, dia 24, porém, oficialmente, a …