Vereadores discutem o cotidiano da cidade em entrevista à rádio

Convidados, os vereadores Renato Ramos de Souza (PPS), o Renatinho Se Ligue e Claudio Ramos Moreira (PT) debateram a atual conjunta administrativa e política de Ferraz de Vasconcelos no programa Cidade em Destaque, da Rádio Da Cidade 1.520 AM, antiga Rádio Diário de Mogi das Cruzes. A entrevista ocorreu das 10h às 11h nesta quinta-feira, dia 17, no estúdio da emissora. Durante os 60 minutos, a dupla de vereadores (foto) respondeu perguntas do apresentador, João Leite, do jornalista Carlos Irineu e de ouvintes.

De maneira genérica, Renatinho Se Ligue Claudio Ramos abordaram problemas da falta de zeladoria como, por exemplo, o descarte irregular de lixo na cidade pontuando neste caso o papel da administração municipal e o comportamento da sociedade local, já que compete ao poder público manter a cidade limpa, porém, o morador também precisa ter a consciência de não jogar lixo em qualquer lugar. Além disso, os parlamentares expuseram ainda sobre a ausência da segurança pública, ou seja, distinguindo a função do governo estadual e a da municipalidade.

Nesse quesito, eles comentaram a respeito da onda de violência que vem afetando, principalmente, o entorno de escolas locais e estaduais e os constantes furtos e assaltos sofridos pela Unidade Básica de Saúde (UBS), na Vila Santo Antônio, entre outros, postos e departamentos públicos. No caso da criminalidade desenfreada na citada UBS, sobretudo, aos finais de semana e feriados, os delitos têm inclusive forçado o pedido de exoneração de especialistas, o que contribui para piorar ainda mais o serviço público prestado no local.

Os dois vereadores demonstraram a sua insatisfação com o fato de a Guarda Civil Municipal (GCM) usar poucas viaturas, apesar do esforço de seus agentes. Renatinho Se Ligue, por exemplo, criticou o Poder Executivo por não comprar uma viatura e duas motos em cumprimento a uma emenda impositiva de sua autoria na Lei Orçamentária Anual (LOA), no ano passado. Na entrevista, eles aproveitaram também para explanar para os ouvintes a diferença entre a função de vereador e de prefeito. “Na realidade, a nós representantes do povo compete elaborar leis e fiscalizar o governo”, dizem Renatinho e Claudio.

Por sua vez, a realização de ações administrativas, isto é, a prestação de serviços públicos como manter as escolas locais em pleno funcionamento, postos de saúde, assistência social e a zeladoria, entre tantos outros, é uma prerrogativa do gestor. Em geral, os vereadores destacaram a falta de gestão porque passa a cidade, mas eles reconhecem publicamente que o atual governo tem o mérito de sanear as contas públicas depois de 12 anos de verdadeiros desastres cometidos por ex-gestores. Ao final, a dupla agradeceu aos jornalistas João Leite e Carlos Irineu pela oportunidade de falar um pouco a cerca do dia a dia do ambiente político ferrazense.

Por Pedro Ferreira, em 17/01/2019.

Veja Também

Renatinho exalta a importância do Proerd para os estudantes

Em reconhecimento ao trabalho preventivo de policiais militares que atuam no Programa Educacional de Resistência …